Táticas de negociação no Forex

18 fevereiro 2016, 14:40
Victor Chebotariov
0
1 046

Táticas de negociação


Após ter analisado o mercado, um trader precisa saber se ele vai especular uma subida ou uma queda. Além disso, o trader precisa decidir que parte do seu capital vai investir em uma negociação. E, finalmente, o último passo é comprar ou vender um contrato. Este é o estágio mais difícil em uma negociação em mercados de margem nos quais a precisão na entrada e na saída do mercado é muito importante. A decisão final a respeito de como e quando entrar no mercado deve ser baseada na combinação de fatores técnicos, gerenciamento de equidade e tipo de pedido.

A precisão do momento de entrada/saída do mercado baseada em análises técnicas é específica à natureza de curtíssimo prazo desse tipo de análise. Ela é determinada em termos de dias, horas e até minutos, mas não de semanas ou meses. Em todos os casos, as mesmas ferramentas técnicas são usadas. Os princípios mais comum destas análises são apresentados abaixo.

  1. Táticas em rupturas de preço.

    Há três variações nas ações do trader durante rupturas de preço:

    • tomar uma posição antecipadamente, prevendo a ruptura;

    • abrir uma posição durante o processo de ruptura;

    • esperar pela inevitável redução após a ruptura.

    Há prós e contras em relação a cada uma das abordagens acima, e às vezes uma abordagem combinada é usada. Ao trabalhar com vários lotes, um trader pode abrir uma posição em cada um dos três estágios. Pode-se abrir uma pequena posição antes da ruptura prevista, então comprar um pouco mais imediatamente após a ruptura e, finalmente, abrir posições adicionais durante uma queda insignificante de preço durante a correção que se segue à ruptura. Caso se estiver negociando com posições pequenas, duas questões, acima de tudo, terão impacto nas decisões a serem tomadas:
    • que quantia de dinheiro pode ser arriscada nesta negociação?

    • qual será o nível de agressividade?

    Nesta situação, um trader mais conservador irá abrir uma posição longa durante a redução. Contudo, por mais paradoxal que possa parecer, as táticas de "esperar para ver" também podem ser arriscadas, pois pode-se perder a oportunidade de entrar no mercado enquanto se espera por uma redução.

  2. Cruzamento da linha de tendência

    Este alerta permite entrar no mercado ou deixá-lo cedo o bastante, especialmente caso uma linha de tendência significativa, muitas vezes "aprovada", tiver sido cruzada. É claro que outros fatores técnicos não devem ser deixados de lado.

    Caso uma linha de tendência seja usada como um nível de apoio/resistência, posições longas serão abertas quando os preços caírem ao nível de uma linha de tendência estável ascendente, e posições curtas serão abertas quando os preços subirem ao nível de tendência descendente.

  3. Níveis de apoio/resistência

    Uma ruptura do nível de apoio pode ser um sinal para que se abra uma posição longa, que mais tarde pode ser protegida com o uso de um pedido de parada. Este último pode ser feito abaixo do nível de apoio mais próximo ou, para garantir mais proteção, exatamente abaixo do nível de ruptura, que agora terá uma função de apoio.

    Preços subindo ao nível de resistência durante uma tendência descendente, e caindo ao nível de apoio durante uma tendência ascendente podem ser usados para a abertura de novas posições, e para a adição de lotes a posições lucrativas já abertas. Ao escolher níveis protetores de parada, é importante levar os níveis de apoio/resistência em consideração.

  4. Correção de preço

    Em relação a uma tendência ascendente, as quedas de preço intermediárias que compõem as porcentagens do crescimento anterior por Fibonacci podem ser usadas para a abertura de posições longas novas ou adicionais. Deve-se notar que, neste caso, a análise das porcentagens do comprimento da correção se relacionam a movimentos de mercado bastante curtos.

    Um momento apropriado para a abertura de uma posição longa seria uma redução de preço de 38-% ocorrendo após uma redução de Bull em uma tendência ascendente. Seria bastante sensato abrir posições curtas quando, em uma tendência descendente, os preços pularem cobrindo de 38 a 62% do comprimento da queda anterior.

  5. Intervalos

    Os intervalos de preço que são formadas nos gráficos de barra também são usados para a escolha de um momento adequado para a abertura ou fechamento de posições. Por exemplo, frequentemente intervalos formados durante o crescimento de preços se tornam níveis de apoio. É por isso que, em uma tendência ascendente, é sensato abrir posições longas quando os preços caem até o limite superior do intervalo, ou um pouco abaixo dele. Um pedido de parada pode ser feito abaixo do intervalo. Em uma tendência descendente, uma posição aberta deve ser aberta quando os preços chegarem até o limite inferior do intervalo, ou um pouco acima dele. O pedido de parada protetor é feito acima do intervalo, neste caso.

  6. Cálculo da média

    O cálculo da média é uma estratégia de negociação usada quando o trader cometeu um erro ou simplesmente realizou uma transação (a primeira que lhe ocorreu) e o preço se moveu contra, e o trader realiza uma nova operação do mesmo tipo, mas a um preço mais lucrativo. A desvantagem mais importante do cálculo da média é que não é possível saber até que preço o mercado irá contra o trader. O cálculo da média exige um investimento de uma quantia de dinheiro duas vezes maior do que aquela investida anteriormente. Se o trader tiver muito dinheiro na conta, ele pode suportar um movimento de preço de até 100, 200 e até mais pips. Contudo, tais movimentos não são muito frequentes no mercado. Esta não é a melhor estratégia, especialmente se você tiver cometido um erro de detecção da direção da tendência.

Estratégias praticáveis


A primeira estratégia consiste em manter posições abertas pelo período de vários dias a vários meses. Esta estratégia é usada por investidores estratégicos e traders semi-profissionais. Ela é mais eficiente em tendências ascendentes, e menos eficiente em tendências laterais e lentas. Esta estratégia exige proteção adicional e o trabalho correspondente no mercado de opções do terminal. Ao se trabalhar com posições longas, também é importante realizar análises técnicas e fundamentais. A cota de posições longas no trabalho prático do trader não deve exceder 15% da equidade. Análises feitas em relação à abertura de posições longas também lhe ajudarão em relação às curtas. Mais precisamente, elas lhe ajudarão a definir os níveis de apoio/resistência de longo prazo:
  • uma tendencia longa e forte irá lhe alertar quando você trabalhar contra ela em posições curtas;

  • você ganhará autonomia quando estiver lidando com uma posição curta na direção da tendência longa.

Outra estratégia consiste em trabalhar com tendência de meio termo, de até alguns dias. Também é desejável protegê-la com opções, que são bastante atraentes para traders amadores. As posições de tamanho médio são mais estáveis para a obtenção de lucro, mas esse tipo de movimento exige análises mais complexas. A qualidade da negociação também depende da capacidade de se fazer movimentos rápidos (escolher o momento correto de abrir/fechar uma posição). Para abrir uma posição de tamanho médio, é preciso fazer uma análise técnica e estar atento às notícias: Alguma notícia fundamental será recebida antes da posição ser fechada? Os mercados reginais estão fechados naquele momento? Fatores psicológicos não terão qualquer importância. Apesar de toda a sua estabilidade externa, o mercado precisa ser observado com atenção, pois ele pode nos trazer todo tipo de surpresa nos piores momentos possíveis. Se você negociar a médio prazo, com base em fatores fundamentais, você também deve se assegurar de que a análise técnica não contradiz as suas posições.

A terceira estratégia consiste em abrir uma posição por um curto período de tempo, de alguns minutos a algumas horas. Esta estratégia é usada por profissionais. Pros: não há o risco da chegada de notícias fundamentais desfavoráveis e de mudanças de preço durante a sua ausência. Contras: grandes despesas (comissões, disseminação, acesso à internet, etc), alta probabilidade de movimentos de preço desfavoráveis, a necessidade de monitoramento constante, concentração e esforço durante o dia de trabalho. O auxílio mais significativo pode ser oferecido pelos osciladores (você deve seguir as regras da escolha do tempo de abertura). Ao usar essa estratégia, você não deve comemorar a obtenção de pequenos lucros. Você corre o risco de perder todos os lucros obtidos durante um longo período de tempo e em muitas transações.


Práticas recomendadas das táticas de negociação no Forex


Uma técnica de negociação consiste em cinco estágios:

  1. detecção de tendência;
  2. detecção do ponto inicial da redução;
  3. detecção do ponto final da redução;
  4. receber confirmação de outro indicador ou sistema;
  5. entrar no mercado com a realização de um pedido de parada e TP.

Vamos considerar todos estes estágios em maiores detalhes através do exemplo de uma técnica de negociação baseada em MACD. Vamos usar o MACD com períodos de 5, 13, 8.

Vamos considerar que:

  • Trata-se de uma tendência ascendente, quando a média no MACD está acima de zero e não há divergência de bull com o preço, ou seja, cada novo pico no gráfico de preços é confirmado pelo próximo pico do indicador (média no MACD);
  • Trata-se de uma tendência descendente, quando a média no MACD está abaixo de zero e não há convergência de bear com o preço, ou seja, cada nova baixa no gráfico de preços é confirmado pela próxima baixa do indicador (média no MACD);
  • A redução começa caso a linha lenta seja cruzada pela linha rápida de cima para baixo; isso exige uma tendência ascendente, ou seja, a média no MACD está acima de zero e não há divergência de bull;
  • A redução na direção ascendente começa caso a linha lenta seja cruzada pela linha rápida de baixo para cima; isso exige uma tendência descendente, ou seja, a média no MACD está abaixo de zero e não há convergência de bear;


Estágio 1. Direção da tendência em um gráfico diário

Por exemplo, é a tendencia ascendente na figura 1, pois cada pico sucessivo é mais alto doque o anterior, cada baixa sucessiva é mais alta do que a anterior (de acordo com a teoria de Dow). Ao mesmo tempo, não há divergência de bull na linha lenta do MACD. Isso confirma a força da tendência ascendente.
Figura 1




Estágio 2. Detecção do ponto inicial da redução

Nós podemos ver na figura 1 que a linha rápida cruza com a linha lenta de cima para baixo. Isso significa que uma redução descendente pode ter início. Nós podemos nos assegurar deste fato alternando para um cronograma menor, para o gráfico de 4 horas (figura 2).
Figura 2





Como há uma divergência de bull na média do MACD no gráfico de 4 horas, a redução realmente terá início no cronograma diário.


Estágio 3. Detecção do ponto final da redução

O ponto final da redução pode ser detectado através da convergência de bear na média do MACD em um gráfico de 4 horas ou através da convergência de bar na média do MACD em um gráfico de 1 hora. O sinal do gráfico de 4 horas será mais forte, é claro. Mas a convergência de uma hora também será suficiente. Na figura 3 (gráfico de uma hora), a convergência de bear significa o fim da redução.


Estágio 4. Recebimento de confirmação de outro indicador ou sistema

Vamos esperar pela confirmação, por exemplo, do Parabolic SAR. A intersecção do preço com a linha parabólica será o sinal de compra (a barra azul na figura 3), Então nós podemos entrar no preço de compra dessa barra (linha horizontal vermelha), 123,86.
Figura 3






Estágio 5. Realização do pedido de parada e TP

O pedido de parada será feito sob a baixa mais recente, cerca de 15 pips abaixo (para excluir o "ruído do mercado"). O Take Profit será colocado a uma distância dupla. Isso significa que a razão de lucro/perda é de 2/1. No nosso exemplo, a baixa está em 122,83. É por isso que nós vamos colocar a parada 15 pips abaixo, em 122,68. O Take Profit será colocado a 123,86+2*(123,86-122,68)=126,22.

O resultado da nossa operação é apresentado na figura 4. O acionamento do Take Profit nos trouxe um lucro de 236 pips, o que, em termos monetários, representa 1870 dólares norte-americanos no Forex (187 dólares norte-americanos no mini Forex).

Figura 4





Notas sobre a negociação

Realizar uma negociação do tipo infringe as regras recomendadas do gerenciamento de dinheiro, pois a dinâmica arrebatadora na barra azul (figura 3) fez com que o pedido de parada tivesse que ser feito a uma grande distância do ponto de entrada. Além disso, houve uma tentativa de entrar rapidamente no mercado, imediatamente após um movimento brusco, uma tentativa de "pegar o trem partindo". Tudo isso resultou em horas de nervosismo, nas quais se observou como o preço estava se aproximando do nível de parada. Esta negociação deveria ser evitada, de acordo com as regras do gerenciamento de dinheiro.

Estas táticas também podem ser usadas em períodos mais curtos, mas é preciso lembrar que quanto menor o período de tempo, menos ele é previsível, devido ao ruído do mercado.



Traduzido do russo pela MetaQuotes Software Corp.
Artigo original: https://www.mql5.com/ru/articles/1428

Teste de Visualização: Negociação manual Teste de Visualização: Negociação manual

Teste de estratégias manuais no histórico. Veja como o seu algoritmo de negociação funciona ignorando as sutilezas da programação!

Dez "erros" cometidos por novatos em transações comerciais? Dez "erros" cometidos por novatos em transações comerciais?

O artigo justifica a abordagem que consiste em construir um sistema de transações como uma sequência de pedidos inter-relacionados de abertura e fechamento em relação às condições existentes: os preços e os valores atuais do lucro/prejuízo de todos os pedidos, e não apenas em relação aos "alertas" convencionais. Nós apresentamos uma realização exemplar de um sistema de transações elementar do tipo.

Construção de linhas fractais Construção de linhas fractais

O artigo descreve a construção de linhas fractais de vários tipos através do uso de linhas de tendência e fractais.

Segredos do terminal do cliente MetaTrader 4: Biblioteca de arquivos no MetaEditor Segredos do terminal do cliente MetaTrader 4: Biblioteca de arquivos no MetaEditor

Durante a criação de programas personalizados, o editor de código possui grande importância. Quanto mais funções estiverem disponíveis no editor, mais rápida e conveniente será a criação do programa. Muitos programas são criados com base em um código pré-existente. Você usa um indicador ou um script que não é completamente adequado aos seus objetivos? Faça o download do código deste programa no nosso website e personalize-o para os seus fins.