S&P Dow Jones lança índice bolsista com “valores católicos”

S&P Dow Jones lança índice bolsista com “valores católicos”

22 agosto 2015, 19:02
News
0
122

A sociedade financeira S&P Dow Jones Indices vai ter um novo índice bolsista centrado nos “valores católicos”, para incluir as empresas do índice S&P 500 que “respeitem as regras de investimento socialmente responsáveis” traçadas pela Conferência Episcopal dos Estados Unidos (USCCB).

O índice – com o nome S&P 500 Catholic Values Index – exclui todas as empresas que se entenda não serem coerentes com os valores católicos e que tenham actividades ligadas à produção de armas químicas, a programas eróticos ou pornográficos, ao fabrico de material militar, à pesquisa de células estaminais ou que recorram à mão-de-obra infantil.

Segundo a AFP, de fora ficam também as empresas em que mais de 1% do volume de negócios têm origem na difusão ou revenda de programas eróticos ou pornográficos. O mesmo acontece para as empresas em que a maioria do volume de negócios venha da venda de armamento miliar convencional.

Algumas empresas do índice Dow Jones Industrial Average que não respeitam estes critérios não surgem na lista da S&P das empresas que compõem o novo índice. É o caso das farmacêuticas Pfizer e Merck ou da construtora aeronáutica Boeing.

Num comunicado da S&P Dow Jones Indices, Séamus Finn, responsável da organização Investimento Consistente com a Fé, que junta cerca de 200 organizações católicas, afirma que “é importante que os investidores tenham agora uma medida representativa do desempenho das empresas do S&P 500 que aderem às linhas gerais sobre o investimento socialmente responsável”.

A Conferência Episcopal dos Estados Unidos publica há mais de 20 anos os seus princípios de investimentos responsáveis, nomeadamente o de privilegiar as empresas que respeitam os direitos humanos, que combatem a discriminação racial, promotoras da justiça económica e do ambiente. As orientações são dadas aos investidores católicos, em particular, aos administradores do património de dioceses, instituições e universidades católicas.

Desde que assumiu o Pontificado, o Papa Francisco tem sublinhado que a justiça e a protecção global dos recursos naturais são um dos pilares da sua doutrina. Ao anunciar o novo índice, a S&P Dow Jones Indices não fez, porém, alusão a declarações de recentes do Papa sobre a ordem económica internacional.

“Pela primeira vez na História, a pobreza e a miséria no nosso continente não são consequências da falta de recursos, mas dos sistemas sociais e económicos perversos”, afirmou Francisco, natural da Argentina, durante a viagem pela América Latina.

Compartilhe com os amigos: