Agora sou trader!

Agora sou trader!

19 agosto 2014, 15:11
Andrealucia
0
458

Trago-lhes uma história de meu amigo Edwar Estrada: 

Até faz pouco, entusiasmado com isto do comércio de divisas, passava muitas horas pendente, pendurado dos gráficos, apostando a todo o que se movia, me metendo em todas as brigas. Era excitante, divertido, assustava, entusiasmava, tinha-o tudo. E também um inconveniente: não conseguia ganhar. Se passava-o bem perdendo ganhar deveria ser fantástico!!!

Analisando e aprendendo fui consciente de por que este negócio não me era rentável: estava a arriscar bem mais capital do necessário!

Não tinha compreendido que a relação capital-risco e que isto não é um jogo para se divertir. Claro, como tinha metido pouco dinheiro mo passava bem inclusive perdendo, mas não pretendia me divertir: pretendia que eme fosse rentável. 

Mas como?. Dei-me conta de minha falha: arriscando tantas vezes o capital o ratio de perdidas anulava meus ganhos, e essas perdidas aumentavam ao ritmo de minha maior exposição ao risco. Se conseguia expor-me menos, perderia menos vezes ou menores quantidades. Que tinha que fazer, pois?: reduzir esse risco, essa exposição. Por conseguinte, decidi selecionar mas onde e quando ia apostar, a entrar no mercado. E outra coisa importante: tinha que decidir quanto queria ganhar ao dia. Parece uma tolice, pois um pensa. "Ganharei todo o que possa, quanto mas tempo negocie mas ganharei!". 

Evidentemente isto não foi verdade, não para minha. Em realidade este negócio é mas rentável quanto menos jogá-lo. Isso se: a base de dar rentabilidade ao máximo quando negocias. Uma da bases mas singelas e efetivas deste assunto: menos exposição de tua capital ao risco = mais benefícios. Aqui perdem-se jogadas mas com frequência que quando se ganham, mas as que se ganham costumam compensar as perdidas anteriores, fruto de retiradas estratégicas.

Mudança de sistema. Fixei-me um ganho diário / mês de 3<5% arriscando só o 10% de minha capital restante. e selecionei minhas jogadas. E todo tem mudado!

Jogando muitíssimo menos, esperando mais a melhor opção, não me metendo em todas as brigas senão só naquelas que melhor expectativa tinha . Nada de intuiciones: seguindo os conselhos de compra, os sinais, nada de ir à contra, assim não tinha que estar em cima dos gráficos, tratando dos interpretar.  Fiava-me dos sinais e se a coisa torcia-se... fiava-me de meus sinais e deixava correr a coisa, não tirar ordenes a tun-tún, acumulando perdidas. E os sinais respondiam muito melhor assim.

Vai custar-me recuperar minha escassa conta ao nível inicial, desperdiçada em novatadas, mas agora se que SEM SORTE, com método, posso conseguir esse 3<5% mensal. E com o tempo, afiando as armas, irei aumentando essa percentagem, seguro!



Compartilhe com os amigos: