Bolsa de Atenas reabre na segunda-feira. Analistas apontam para fortes quedas

Bolsa de Atenas reabre na segunda-feira. Analistas apontam para fortes quedas

31 julho 2015, 19:03
News
0
190

Mais de um mês depois de ter sido encerrada, a bolsa de Atenas vai voltar a funcionar na segunda-feira, embora com algumas limitações. Os analistas apontam para quedas na ordem dos 20%.

Já é oficial. A bolsa de Atenas vai mesmo reabrir na segunda-feira, 3 de Agosto, anunciou o ministério das Finanças grego.

 Serão impostas limitações nas transacções, mas ainda não se sabe quais, uma vez que o decreto governamental que regula o regresso das negociações será publicado só mais ao final do dia.

 A bolsa grega está encerrada desde 29 de Junho, na mesma altura em que foram impostos controlos de capitais e que os bancos do país fecharam portas.

 Segundo a Reuters, umas das restrições que será imposta aos investidores domésticos é a utilização de dinheiro de depósitos bancários para comprar acções, pelo facto de as autoridades temerem que os gregos utilizem a bolsa para retirar dinheiro dos bancos do país, que reabriram na semana passada.

 Fortes quedas na abertura

 Tendo em conta a evolução dos Exchange Traded Funds que replicam a evolução das acções gregas e são cotados em Nova Iorque, a bolsa grega vai sofrer uma violenta queda na abertura da sessão de segunda-feira.

 De acordo com a Reuters, o ETF GREK regista a queda de 20% desde que a bolsa de Atenas foi encerrada a 29 de Junho. Uma evolução que pode servir de referência para os investidores negociarem títulos na praça helénica na sessão de 3 de Agosto.

 "O mercado estará certamente sob uma severa pressão quando reabrir e os bancos deverão ser os mais penalizados", disse à Reuters o analista Takis Christodoupoulos, da Toscafund.

"A minha estimativa aponta para que se a bolsa abrisse hoje, o índice de Atenas estaria entre 625 e 645 pontos, uma queda entre 19% e 22% face ao último fecho de 26 de Junho", disse à Bloomberg Llya Feygin, da WallachBeth Capital.

 Na última sessão em que esteve aberta, a bolsa de Atenas até fechou em terreno positivo, pois na altura crescia a expectativa que o Governo grego iria chegar a acordo com os credores para o desembolso da última tranche do segundo programa. A iniciativa de convocar um referendo reverteu a expectativa e foi imposto um controlo de capitais para impedir o colapso dos bancos.

 O principal índice da bolsa de Atenas subiu 1,62% a 26 de Junho, sendo que também há mais de um mês que não são negociados títulos de dívida na bolsa grega e os resgates de fundos de investimento estão congelados.

Compartilhe com os amigos: