Bolsas europeias terminam em baixa, influenciadas por alta do euro e Grécia

Bolsas europeias terminam em baixa, influenciadas por alta do euro e Grécia

26 março 2015, 17:00
News
0
36

As principais bolsas da Europa fecharam em queda nesta quarta-feira, 25, influenciadas pelo avanço do euro ante o dólar. O movimento, que prejudica as ações de empresas exportadoras, fez o índice Stoxx 600 recuar 1,1%, a 397,95 pontos, o menor nível desde 17 de março. O clima na região também foi afetado por notícias sobre a Grécia.

A moeda norte-americana cedeu terreno ante o euro e o iene na sessão de hoje depois que foi divulgado o número de encomendas de bens duráveis nos Estados Unidos, que caíram 1,4% em fevereiro ante janeiro. O resultado contrariou as previsões de analistas, que acreditavam em um avanço de 0,2%.

A notícia pesou sobre os mercados europeus, inclusive na Alemanha, onde foi divulgada uma melhora no índice de sentimento das empresas. Segundo o instituto Ifo, o índice de confiança no país subiu para 107,9 em março, de 106,8 em fevereiro. Em Frankfurt, entretanto, o índice DAX terminou em queda de 1,17%, aos 11.865,32 pontos, pressionado pelos papéis da Infineon, que recuaram 3,05%, e da Lufthansa, que caíram 0,86% um dia após o acidente com a avião da subsidiária Germanwings.

Enquanto isso, economistas do Deutsche Bank divulgaram uma análise que prevê que a Grécia pode ficar sem dinheiro em 9 de abril, daqui duas semanas. Nesta data, o país terá de pagar uma parcela de 460 milhões de euros para o Fundo Monetário Internacional (FMI). Segundo o Deutsche Bank, a arrecadação de impostos está abaixo do esperado e a continuidade da retirada de recursos dos bancos agrava o risco de falta de liquidez no sistema financeiro.

Em Londres, o índice FTSE-100 recuou 0,41%, aos 6.990,97 pontos, e em Paris, o CAC-40 perdeu 1,32%, fechando aos 5.020,99 pontos. Na bolsa francesa, as ações da Accor lideraram as perdas, caindo 4,25% após os fundos Colony Capital e Eurazeo afirmarem que irão vender quase metade das suas ações da rede hoteleira.

O índice FTSE-MIB, da bolsa de Milão, fechou em queda de 0,81%, aos 23.145,10 pontos, enquanto o IBEX-35, da bolsa de Madri, recuou 0,99%, aos 11.464,70 pontos. Em Lisboa, o PSI-20 terminou em queda de 0,85%, aos 6.015,48 pontos. Fonte: Dow Jones Newswires.

Compartilhe com os amigos: