Wall Street amplia queda arrastada pelo petróleo

Wall Street amplia queda arrastada pelo petróleo

13 dezembro 2015, 10:48
Dan Baruch
0
34

Wall Street ampliou na última sexta-feira as perdas e fechou em queda acentuada, registrando a pior perda semanal desde Agosto. No balanço da semana o S&P 500 cai 3,8%, o Dow Jones 3,3% e o Nasdaq 4,1%. 

Os três índices foram agravando, ao longo do dia, as quedas e o S&P 500 fechou a cair 1,94%, o Dow Jones 1,76% e o Nasdaq chegou mesmo aos 2,21% de desvalorização.

A continuação da queda do preço do barril do petróleo para mínimos dos últimos sete anos continua a preocupar os investidores e a arrastar com maior força as empresas do setor energético e das matérias-primas, que lideram as perdas em Wall Street.

Além do petróleo, a queda das ações da Du Pont, uma das 30 empresas do índice industrial Dow Jones, que caiu 5,51%, também influenciou a bolsa de Nova Iorque durante a sessão. A desvalorização deste peso pesado da indústria química seguiu-se ao anúncio do acordo para a sua fusão com outra gigante do setor: a Dow Chemical, que caiu 2,80%. A operação é avaliada em 130 mil milhões de dólares.

A incerteza reina também já em Wall Street na contagem decrescente para a importante reunião da Reserva Federal norte-americana, que terá lugar na próxima terça e quarta-feira, de onde deverá sair a primeira subida das taxas de juro nos últimos dez anos nos EUA, segundo acreditam cada vez mais os analistas.

O mercado acionista em Wall Street também não reagiu bem hoje, ao anúncio de uma nova baixa do yuan chinês para o seu nível mais baixo dos últimos quatro anos e meio, uma depreciação que poderá pesar sobre o crescimento da segunda economia mundial e sobre o volume de negócios das empresas que exportam para a China.

Só quero ver se o Fed decidir pelo não aumento da taxa de juros...

Compartilhe com os amigos: