Bolsas europeias fecham a sexta no vermelho, cautelosas com reunião do Fed

Bolsas europeias fecham a sexta no vermelho, cautelosas com reunião do Fed

11 setembro 2015, 22:00
News
0
84

Possível aumento dos juros norte-americanos na semana que vem pautaram ações de investidores

As bolsas da Europa fecharam o pregão desta sexta-feira (11) em baixa, recuando pelo segundo dia consecutivo, com investidores cautelosos em relação à reunião do Federal Reserve na próxima semana. A possibilidade da entidade elevar a taxa de juros norte-americana pautou o movimento do mercado europeu.

O Stoxx 600 teve desvalorização de 0,95%, aos 355,94 pontos, com o setor das telecomunicações impulsionando as quedas após duas companhias escandinavas (Telenor e TeliaSonera) desistirem de combinar suas operações na Dinamarca. Mesmo com o fraco desempenho dos últimos dias, entretanto, o índice que reúne as 600 principais ações europeias conseguiu se manter em terreno positivo no acumulado da semana, avançando 0,80%.

No fechamento da sessão, em Londres, o FTSE-100 caiu 0,62%, aos 6.117,76 pontos. No acumulado da semana, o índice subiu 1,24%. A queda de hoje foi impulsionada por novas desvalorizações no preço do petróleo, com ações da BP caindo 0,54%. A telefonia também sofreu impactos na capital britânica e a operadora Vodafone desceu 1,39%. 

Em Frankfurt, o DAX caiu 0,85%, para 10.123,56 pontos. Nos cinco últimos pregões, houve valorização de 0,85%. Em Paris, o CAC-40 teve retração de 1,04%, aos 4.548,72 pontos. Na semana, o índice ganhou 0,57%.

Em Milão, o FTSE-MIB recuou 0,63%, para 21.762,63 pontos. Valorização semanal do índice chegou a 1,35%. Em Madri, o Ibex-35 caiu 1,23%, aos 9.737,90 pontos. Na semana, resultado também foi negativo e o índice perdeu 0,85%. Em Lisboa, o PSI-20 caiu 0,69%, para 5.021,95 pontos. Na semana, recuou 0,70%. Trata-se da oitava desvalorização semanal da bolsa portuguesa, série mais longa em sete anos.     


Compartilhe com os amigos: