Euro negoceia abaixo dos 1,10 dólares depois de Fed sinalizar possível subida dos juros este ano

Euro negoceia abaixo dos 1,10 dólares depois de Fed sinalizar possível subida dos juros este ano

15 julho 2015, 17:22
News
0
140

A moeda única europeia está novamente a negociar abaixo dos 1,10 dólares, pressionada pela indicação dada pela Reserva Federal dos Estados Unidos que poderá começar a subir as taxas de juro ainda este ano.

O euro está de novo abaixo dos 1,10 dólares. A moeda europeia desce 0,42% para os 1,0963 dólares. O comportamento da moeda europeia está a ser justificado pela indicação dada pela presidente da Reserva Federal dos EUA (Fed) que poderá subir a taxa de juro de referência ainda este ano. 

Perante o Congresso norte-americano, Janet Yellen defendeu que há ainda que registar algumas melhorias no mercado laboral e na inflação. E alertou que as previsões dos responsáveis do banco central, que também apontam para uma subida este ano, estão dependentes da economia.

"Se a economia evoluir da forma que prevemos, as condições económicas provavelmente irão tornar apropriada, algures este ano, uma subida da taxa de juro de referência", afirmou Janet Yellen esta quarta-feira, 15 de Julho, perante o Comité de Serviços Financeiros do Congresso dos EUA. 

Desta forma, salientou, a Fed estará a "normalizar a orientação da política monetária". Contudo, a presidente do banco central norte-americano relembrou o mais recente comunicado do Comité Federal do Mercado Aberto (FOMC, na sigla anglo-saxónica). Nesse documento, os responsáveis da instituição afirmam que subirão dos juros – actualmente entre 0% e 0,25% - quando "registarem uma continuação da melhoria no mercado laboral e estiverem razoavelmente confiantes de que a inflação irá regressar para o objectivo de 2% no médio prazo".

Compartilhe com os amigos: