Andrey Dik  

IV. Продукты

  1. Um Produto submetido para venda através do serviço Market pode ser submetido como um ficheiro compilado com a extensão EX5 ou um único ficheiro de código fonte com a extensão MQ5.
  2. Os ficheiros de produtos submetidos como ficheiros MQ5 são automaticamente compilados.
  3. Os Produtos não chamam quaisquer DLLs, incluindo as bibliotecas do sistema Microsoft Windows.
  4. A venda e distribuição de quaisquer produtos maliciosos através do serviço Marketplace é proibida.
  5. O vendedor pode distribuir Produtos através do serviço de Mercado numa base gratuita (gratuito).
  6. A taxa mínima para um Produto que pode ser oferecido para venda no serviço de Mercado é de $10.
  7. Os produtos adquiridos através do serviço Market não são reembolsáveis.
  8. É criada automaticamente uma versão individual segura do Produto para cada Comprador, o que permite a sua utilização apenas no hardware (configuração do hardware do computador e tipo de sistema operativo) a partir do qual foi feito o pedido de compra.
  9. A compra do Produto é registada na conta do Comprador.
  10. O facto de criar uma versão segura do Produto para a configuração do hardware do Comprador chama-se Activação.
  11. Após a compra do Produto, o Comprador tem direito a duas Activações gratuitas sobre outro equipamento.
  12. Os nomes dos parâmetros de entrada, todas as mensagens e capturas de ecrã na descrição do Produto devem estar em inglês.

Todas as chamadas dll são proibidas no mercado.

Ok. Que tal fazer o seguinte:

1. O produto em si é colocado no mercado.

2. A parte do código responsável pela referência à dll (win api), coloca-a numa biblioteca e coloca-a numa base de código. O código pode até estar no código fonte.

O ponto principal é que é necessário utilizar o FileMapping no produto, é impossível sem ele.

TheXpert  
joo:

A questão é - tem de utilizar FileMapping no produto, não o pode fazer sem ele.

Há dúvidas de que não há maneira...

Em geral, parece bem, mas é melhor perguntar não aqui, mas provavelmente em servicedesk.

Renat Fatkhullin  

Os programas no mercado devem ser totalmente funcionais e operacionais.

A exigência de componentes adicionais é inaceitável.

Mykola Demko  
Renat:

Os programas no mercado devem ser totalmente funcionais e operacionais.

A exigência de componentes adicionais é inaceitável.

Gee-goo, vamos dar-te uma tareia (só a brincar).

Tornar um programa totalmente operacional e funcional(por exemplo, desenhar uma margarida no gráfico), e acrescentar que quando se instala o Dll gratuito, ele também negoceia (a propósito, não se pode acrescentar isto no mercado e quando se publica o Dll).

Tudo de acordo com as regras, a funcionalidade declarada funciona.

Sentiria a sua falta?

PS este é um truque inteligente, é melhor fazer os seus próprios análogos de Win API, que não prejudique nada sob controlo (invólucros controlados), depois ambas as pessoas sentem-se aliviadas e você recebe uma medalha.

Renat Fatkhullin  
Urain:

Gee-goo, vamos dar-te uma tareia (a brincar).

Fazemos um programa totalmente funcional e funcional(por exemplo, desenhando a margarida num gráfico), e acrescentamos que quando se instala o Dll gratuito, ele também negoceia (a propósito, pode acrescentar isto não no mercado e quando se publica o Dll).

Tudo de acordo com as regras, a funcionalidade declarada funciona.

Sente a falta disso?

PS este é um truque inteligente, é melhor fazer os seus próprios análogos de Win API, que não prejudicarão nada sob controlo (invólucros controláveis), então ambas as pessoas sentir-se-ão melhor e você receberá uma medalha.

Quando o encontrarmos, proibimo-lo.
TheXpert  
Renat:

Os programas no mercado devem ser totalmente funcionais e operacionais.

Também tem bibliotecas, em teoria poderia fazer o contrário.
---  
Renat:

Os programas no mercado devem ser totalmente funcionais e operacionais.

A exigência de componentes adicionais é inaceitável.

Renat, conhecendo a sua atitude negativa em relação a ir além da caixa de areia MT, coloquemos as coisas desta forma:

- um produto de mercado necessita pelo menos de um TERMINAL para que o produto funcione em pleno.

Mas está a limitar-nos dentro do âmbito da funcionalidade WinApi que implementou no terminal.

É irracional chatear o MC do nosso lado para adicionar alguma função especial de winapi ao MQL nativamente.

É por isso que estamos a pedir permissão para chamar a dll winapi para produtos de mercado.

Chamando winapi - de forma alguma fará com que o produto não funcione e não trabalhe.

--------------

Prometeu olhar para o mercado após o seu lançamento.

O tempo passou, por favor olhe para o mercado deste lado.

Penso que os desafios de winapi, pelo contrário, trarão para o mercado programadores profissionais com os seus produtos. E isso é +20% no bolso da MK.

---  
TheXpert:
Também tem bibliotecas, teoricamente poderia fazer o contrário.
Então propõe-se fazer o contrário - vender ex5 bibliotecas no mercado e colocar bibliotecas fictícias + dll na base de código?
Mykola Demko  
sergeev:
Então está a sugerir o contrário - vender ex5 bibliotecas no mercado e colocar manequins + dll na base de códigos?
Renat:
Quando o encontrarmos, proibimo-lo.
Mykola Demko  
Renat

Basta fazer um bloco API Win, que apanharia bibliotecas não perigosas.

Afinal, nem todos eles são potencialmente perigosos (aqueles que considera perigosos são, de facto, muito poucos).

Renat Fatkhullin  
Urain:

Basta fazer um bloco API Win, que apanharia bibliotecas potencialmente perigosas.

Afinal, nem todos eles são potencialmente perigosos (aqueles que considera perigosos são, de facto, muito poucos).

Não.

Somos fundamentalmente contra a proliferação de DLLs e a criação de ameaças em massa aos comerciantes. Pelo contrário, estamos agora a trabalhar para travar o caos que algumas empresas estão a gerir silenciosamente.

Não existem DLLs "inseguras". Praticamente qualquer DLL (incluindo as DLLs do sistema, quase todas elas infamemente inseguras) pode ser utilizada para realizar um ataque de empilhamento seguido de uma tomada de controlo. Basta a ilusão de segurança sob a forma de DLLs de confiança, e a segurança cairá imediatamente para o fundo do barril. Para todos os bons criadores exigirão que os utilizadores incompetentes incluam as suas criações nas listas permitidas. Não querem saber das recomendações de ninguém ou da segurança dos comerciantes, porque só se preocupam com o dinheiro.

Não vamos transformar um sistema crítico num buraco como as soluções da Microsoft.

Todos são livres de utilizar o que quiserem para si próprios, qualquer DLL. Mas não pode distribuir códigos potencialmente perigosos através dos nossos canais (incluindo a corretagem).

Razão: