Fundo duplica perspetivas de recessão no Brasil com quebra de 3% do PIB

Fundo duplica perspetivas de recessão no Brasil com quebra de 3% do PIB

6 outubro 2015, 21:55
News
0
89

O Fundo Monetário Internacional (FMI) duplicou hoje, nas Perspetivas Económicas Mundiais, a previsão de recessão para o Brasil, estimando agora que a atividade económica se contraia 3% este ano, uma tendência que deverá prolongar-se também em 2016.

"A confiança dos consumidores e dos empresários continua a diminuir, em grande parte por causa da deterioração das condições políticas, o investimento está a cair rapidamente, e o necessário 'aperto' na política macroeconómica está a pressionar a procura interna", escrevem os analistas do FMI nas Perspetivas Económicas Mundiais, divulgadas hoje em Washington com o título 'Ajustando à descida do preço das matérias-primas'.

O Brasil, enquanto maior economia da América Latina, e altamente interligada com a região, arrasta também os outros países da zona, diz o FMI, alertando para o "significativo contágio negativo", visível nas previsões para esta parte do mundo.

"A atividade económica na América Latina e nas Caraíbas continua a abrandar fortemente, com uma pequena contração da atividade em 2015, e uma modesta retoma é esperada em 2016, apesar de ser apenas 0,8%, ainda bem abaixo da tendência", diz o FMI, que lembra que estas previsões foram revistas em baixa, mais de um ponto percentual, quer para este, quer para o próximo ano, face às estimativas de abril.

Crescimento previsto...2014...2015...2016
Angola..................4,8....3,5....3.5
Brasil..................0,1...-3,0...-1,0
Cabo Verde..............1,8....3,5....3,7
Guiné-Bissau............2,5....4,7....4,8
Guiné Equatorial.......-0,3..-10,8...-0,8
Moçambique..............7,4....7,0....8,2
São Tomé e Príncipe.....4,5....5,0....5,2

 


Compartilhe com os amigos: